bt_pesquisa_maior2
VOOS ONLINE
VOOS ONLINE
GUIA DO PASSAGEIRO
GUIA DO PASSAGEIRO
SITUAÇÃO DOS VOOS
SITUAÇÃO DOS VOOS

OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS
OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS
CARGA AÉREA ONLINE
CARGA AÉREA ONLINE
LICITAÇÕES
LICITAÇÕES
CONCURSOS INFRAERO
CONCURSOS INFRAERO
SERVIÇO CONTRA INCÊNDIO
SERVIÇO CONTRA INCÊNDIO
LINKS
LINKS

TARIFAS AEROPORTUÁRIAS
TARIFAS AEROPORTUÁRIAS
CENTRAL DE COBRANÇAS
CENTRAL DE COBRANÇAS
PORTAL FINANCEIRO
PORTAL FINANCEIRO
Aeroporto Internacional Cruzeiro do Sul
Foto externa do Aeroporto de Cruzeiro do Sul
 

A cidade acreana de Cruzeiro do Sul foi fundada pelo Decreto n° 4 de 12 de setembro de 1904 quando o coronel do Exército Brasileiro, Gregório Thaumaturgo de Azevedo, instalou a sede provisória do município, em um local denominado "Invencível", na foz do Rio Môa. A cidade, cujo nome é inspirado na Constelação homônima, é a segunda mais importante do Estado do Acre, último território a ser anexado à União através do Tratado de Petrópolis assinado com a Bolívia em 17 de novembro de 1903.

Localizada a 653 km da capital Rio Branco, Cruzeiro do Sul é considerada a cidade mais ocidental do Brasil na mesorregião do Vale do Juruá . O acesso à cidade tem no transporte aéreo a sua principal ligação e o aeroporto de Cruzeiro do Sul tornou-se a única ligação entre as cidades do oeste do Acre com a capital. Construído pela prefeitura municipal, o Aeroporto Internacional de Cruzeiro do Sul foi inaugurado em 28 de outubro de 1970 e aberto ao tráfego aéreo público em 1976. O aeroporto é localizado as margens da rodovia AC-405 e a 14 km do centro da cidade acreana. Administrado pela prefeitura até 31 de março de 1980 o aeroporto passou para a jurisdição da Infraero que tratou de investir em sua infraestrutura. A Empresa reformou a pista de pouso e decolagens em 1994 e em 2008 implantou o sistema de drenagem.

Em 2009 a Infraero desativou a antiga estação de embarque e construiu um novo terminal de passageiros. A capacidade do aeroporto foi ampliada para atender 300.00 mil passageiros ao ano. O novo terminal tem área construída de 4.500 m² e arquitetura inspirada na cultura indígena da região adotando as mais modernas tecnologias de edificação utilizadas nos grandes centros. Conta ainda com um salão de eventos e exposições de 250 m² e estacionamento para 250 veículos. Na ocasião a Infraero viabilizou o desvio da rodovia AC-405, que anteriormente passava em frente ao antigo terminal e agora contorna externamente o conjunto.

O novo terminal também conta com isolamento acústico, projeto de iluminação especial, sistemas de segurança, detecção e alarme contra incêndio, sonorização, informativos de voo, gerenciamento de energia, controle de acesso e sistema de câmeras de controle de longo alcance. Uma subestação com dois geradores que seguem modelo europeu, com controle automatizado à distância foi construida, as bagagens passaram a ser inspecionadas por meio de raio-X e a água da chuva é armazenada e filtrada para a manutenção e limpeza do ambiente e irrigação das plantas.

A edificação abriga lojas, lanchonete, ponto de informações turísticas, agência de viagens, vigilância sanitária, polícias Federal e Estadual e local para alfândega.

O aeroporto acreano atende aviação comercial, turística e serve de base de apoio aos municípios para deslocamento em questões de atendimento de saúde, servindo também as operações da aviação militar. Estão em exposição permanente no saguão do Terminal de Passageiros duas obras em marchetaria, medindo 6x3m, intitulada floresta amazônica, do Artista Maqueson Pereira da Silva.

 

 

AddThis Social Bookmark Button
 


Portal da Transparência    Acessibilidade Brasil    selo_participe
Infraero - [Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária] - Estrada do Aeroporto, Setor de Concessionárias, Lote 5 - Edifício Sede CEP 71608-050 - BRASÍLIA - DF - BRASIL